Quinta da Covela Avesso 2017
Minho, Portugal
Quinta da Covela Avesso 2017
Uma das uvas mais raras do mundo num vinho elogiado e queridinho dos fãs de vinhos brancos, conheça a uva Avesso.
Best seller badge

90

rp

91

ad

Produto indisponível
Sobre o produto
Teor
alcoólico
12,5%
Temperatura
10°
Uva/Corte
Avesso

A Quinta da Covela está localizada na fronteira do Minho com o Douro, e as vinhas, desde 2006 é orientada pela agricultura biológica e na adega não se utiliza nada de origem industrial, sendo as fermentações espontâneas.

A Avesso é uma uva interessante. Ao mesmo tempo que gera vinhos de teor alcoólico alto para o padrão dos vinhos Verdes, tem corpo e acidez capazes de dar estrutura e beleza.

Pode ser varietal, também corta bem a Loureiro e a Alvarinho. Se dá melhor no sul do Minho, na fronteira com o Douro. Por vezes é utilizada também nos Vinhos Douro DOC.

Gostamos deste vinho: entrega fruta fresca, flor de laranjeira, lima. Tem sabor vivo, animado, sai totalmente do lugar comum. Apesar de Vinho Verde, tem corpo e intensidade de sabor.

Robert Parker comentou que "o resultado desta safra é um vinho encorpado e a uva Avesso é uma boa surpresa para o palato”.

A Revista Adega, maior publicação de vinhos do Brasil deu 91 Pontos.

Este branco encorpado e sedoso vai bem com guacamole, frango xadrez e comida árabe

História

Datada do Século XVI, a Casa de Covela, foi formada pelas ruínas de um solar renascentista. Os lagares e a capela são originais e testemunham a importância histórica desta quinta.

Em tempos mais recentes, a Covela pertenceu a Manoel de Oliveira, um dos mais importantes cineastas europeus da metade do século passado até à atualidade.

Além da casa principal e da adega, desenhadas e ampliadas pelo cineasta durante os anos 50, a Quinta de Covela possui três casas assinadas por José Paulo dos Santos, um dos mais conceituados arquitetos de Portugal.

D9lwzdolcakifeyv7lpu
Curador(a)
Manuel Luz
Produtos relacionados