Durigutti Las Compuertas Cordisco 2017
Mendoza, Argentina
Durigutti Las Compuertas Cordisco 2017
Vinho de micro terroir, um esplêndido exemplar da uva italianíssima Montepulciano em Mendoza, uma raridade (apenas 150 garrafas no Brasil!).
Best seller badge

92

ta

Produto indisponível
Sobre o produto
Teor
alcoólico
11,6%
Descanso
30 min.
Temperatura
15°
Uva/Corte
Montepulciano

O Las Compuertas Cordisco 2017 é um vinho artesanal elaborado pelos irmãos Pablo e Hector Durigutti, as estrelas atuais do vinho argentino. A garrafa é caprichada, modelo borgonha marrom, com selo de cera no gargalo.

Neste projeto de apenas 2970 garrafas são usadas somente leveduras indígenas, e o vinho não passa por nenhum tipo de filtragem. O amadurecimento se dá em tanques em formato de ovo, de alvenaria.

A uva Cordisco (mesma que a Montepulciano, da Itália) gera um vinho super leve, clarinho, de coloração rubi translúcido dá lugar para aromas de romã vermelha, salvia e framboesa. Oferece uma boca fresca, leve, com taninos super equilibrados pela acidez.

Impressiona pelo volume de álcool baixo para Mendoza, apenas 11.5, e muito elegante. Lembra muito o Cerasuolo di Vittoria, pelo corpo e leveza. Incrível. Às cegas não dá pra dizer que se trata de um vinho argentino.

Tim Atkin, ao dar 92 pontos, disse que o vinho é "maravilhosamente elegante, com notas de cereja, expandindo para especiarias e grafite".

Apenas 150 garrafas foram alocados para o Brasil, hoje todas na Sonoma. Uma raridade e tanto, não deixe de experimentar!

História

Conhecidos como “Os Mestres da Malbec,” ainda melhor vistos por seu trabalho com a uva Bonarda, Hector e Pablo Durigutti são os produtores lendários de vinho por trás do Aguijón de Abeja.

As origens dos irmãos são bastante complementares: Hector começou no Alto Las Hormigas e passou por projetos em várias vinícolas bem conhecidas, aprendendo técnicas do velho mundo e agricultura. Pablo começou na La Rural, uma vinícola agora de propriedade da Catena e aperfeiçoou novas práticas vitícolas mundiais.

Hoje são alguns dos mais influentes enólogos do país platino. São as estrelas do documentário “Boom: The Rise of the Argentinian Malbec” que foi lançado pela Amazon em 2017.

D9lwzdolcakifeyv7lpu
Curador(a)
Manuel Luz
Produtos relacionados