Quarteto Misto Albarino
Albariño
Quarteto Misto Albarino
Dois exemplares de Albarino Premium, um do Uruguai e outro da Galícia. Conheça.
Best seller badge
Produto indisponível
Sobre o produto
Teor
alcoólico
0,0%
Temperatura
10°

Bodegas Garzon Albariño 2018. As vinhas com 15 a 20 anos de idade ficam quase de frente para o mar, em Maldonado, cidade vizinha à Punta del Este.

Este Albariño reúne algumas características interessantes: o aroma lembra um branco Neozelandês, mineral e cheio de frutas cítricas e amarelas. O paladar é frutado, com acidez que deixa tudo muito equilibrado, nada de mais ou de menos. Lindo o sabor de fruta madura com final de especiarias. Interessantíssimo.

Lagar de Costa Albariño 2017. A Albariño é a mesma Alvarinho de Portugal, mas na Galícia ela ganha força, corpo e complexidade. A safra de 2017 na Galícia foi estupenda. Este vinho é uma amostra do alto nível atingido.

Na taça o vinho brilha em tons de chá de hortelã. Entrega aromas vividos, ricos e francos de fruta de caroço (pêssego branco e nectarina), também ameixa amarela. Sentimos a presença de uma leve maresia, certamente devido à influência do Mar Atlântico que fica a menos que 1 km das vinhas da Lagar de Costa.

História

Albariño ou Alvarinho é uma variedade de uvas brancas cultivadas na Galícia (noroeste de Espanha), Monção e Melgaço (noroeste de Portugal).

Foi levada para a Ibéria por monges Cluny no século XII, segundo pesquisadores. Em galego, seu nome "Albariño" vem de albar, que quer dizer branco, esbranquiçado.

Acredita-se que o local seja um clone de Riesling originário da região francesa da Alsácia. Tem acidez viva, muito aroma de fruta cítrica, pode passar por madeira e durar muitos anos na adega.

D9lwzdolcakifeyv7lpu
Curador(a)
Manuel Luz
Produtos relacionados