Os tesouros italianos

Muitos já devem ter ouvido falar na rota dos castelos franceses. Lá estão alguns dos maiores, mais bonitos e mais antigos palácios da Europa.

Muitos já devem ter ouvido falar na rota dos castelos franceses. Lá estão alguns dos maiores, mais bonitos e mais antigos palácios da Europa.

Você já provou os vinhos italianos? E os ícones nacionais, daqueles que tornam cada taça um momento inesquecível? Pois se a resposta é não, conheça os rótulos e prepare seu saca rolhas.

Na região do Piemonte, ao norte da Itália, próximo à fronteira com a França, os vinhedos são quase que exclusivos da uva Nebbiolo, variedade tinta que demora para atingir a maturidade.

Mas a espera é recompensada. Os vinhos da Denominação de Origem Controlada do Barolo são complexos, ricos em sabores e aromas, com grande capacidade de envelhecimento, e conhecido por ser o ‘rei dos vinhos’, principalmente por toda a sua complexidade.

Mais ao sul, nas proximidades da cidade de Montalcino, na Toscana, a uva sangiovese grosso, também conhecida por brunello, dá origem ao famoso Brunello di Montalchino, um dos maiores rótulos que a Itália produz.

O vinho é escuro, encorpado e potente. O Brunello também passa por envelhecimento em barris de carvalho, e vale a observação: os rótulos risierva ficam por no mínimo cinco anos nas adegas da vinícola.

Ainda bem que todas as expectativas são superadas no momento em que se preenche a taça!

Por Sonoma Brasil



Best seller badge

93

ws

92

we

95

js

93

ag

Toscana, Itália

Collosorbo Brunello di Montalcino 2012

Best seller badge

94

st

94

js

95

ag

95

lm

Toscana, Itália

Capanna Brunello di Montalcino Cru 2012